Sobreviva ao Natal com um RPG horripilante


Noite de Natal

por Filipe Lutalo

RPG inspirado nos filmes OS FANTASMAS DE SCROOGE e EU SEI O QUE VOCÊS FIZERAM NO VERÃO PASSADO, promete explorar os medos mais profundos dos personagens.

Você poderá gostar:

Quem já assistiu OS FANTASMAS DE SCROOGE, sabe como é ser atormentado pelos espíritos natalinos: Passado, Presente e Futuro. Nessa animação, Ebenezer Scrooge (Jim Carrey), um velho ranzinza que despreza o natal, é um milionário mesquinho, sovina, sem emoções que maltrata Bob Cratchit (Gary Oldman), seu fiel assistente, e ignorando seu sobrinho Fred (Colin Firth). Com a morte de seu sócio, Ebenezer recebe a visita de três fantasmas do Natal que o ajudará a refletir melhor sobre sua vida passada e a escolha que fará para o futuro.


Em, EU SEI O QUE VOCÊS FIZERAM NO VERÃO PASSADO, um grupo de jovens cometem um crime e prometem guardar segredo. Entretanto, “um ano após atropelar um pescador e jogar o seu corpo na água”, os jovens reúnem-se pois a amiga Julie recebeu uma carta dizendo que o crime foi visto. À partir de então, eles são atormentados por um psicopata em busca de vingança. Quem será ele?


Criado por John Bogéa, na noite de Natal de 2013, esse RPG narrativista é aterrorizante. Diferente do Papai Noel, também conhecido como são Nicolau, que trás presentes para aqueles que fizeram coisas boas durante o ano, entidades vingativas vem atrás de pessoas de alma impura para arrastá-lo com seu saco ou cesto inescapável para o inferno. Essas almas vingativas poderiam ser psicopatas disfarçados ou espíritos desencarnados atraídos pela culpa. O mestre e os jogadores decidirão à medida que narram a história.

Os jogadores interpretam pessoas atormentadas que se envolveram em seu passado em algo muito sinistro. Todo o grupo participou de um evento fez um pacto para manter em segredo – Ligação Maldita. Cada jogador descreve o acontecimento através do seu ponto de vista e afere aleatoriamente jogando de dados de 6 faces o nível de culpa. A entidade maligna que caça os personagens dos jogadores se alimenta dessa culpa. Caso os jogadores passem pela noite do Natal e tenham acumulado bondades, eles terão uma chance de sobreviver.

Essa mistura de “FANTASMAS DE SCROOGE” e “EU SEI O QUE VOCÊS FIZERAM NO VERÃO PASSADO” transforma a noite de Natal no pior pesadelo que os personagens poderiam encontrar em um momento onde a tônica deveria ser a amizade, o reencontro e o amor. Bom jogo e espero que no próximo Natal, a entidade maligna não surja para atormentá-los novamente e tente arrastá-los para o lugar dos ímpios e impuros.

Faça download do jogo: Noite de Natal.

***
Você conhece esses trabalhos de John Bogéa? Gosta de RPGs narrativistas? Teria coragem de passar a noite de Natal lutando contra a culpa e uma entidade maligna? Deixe seu comentário.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Participe!