A Assombração

Aventura para o Chamado de Cthulhu

- por Filipe dias

Nesse final de semana, concluímos a primeira aventura de Chamado de Cthulhu, intitulada “A Assombração”.

Detetive Kelb (Adimar), o universitário de medicina Leonard (Patrícia); o professor de física John (João), a médica psiquiátrica Yuna (Fernanda) e a fotógrafa Kiki (Isis), formaram o grupo de investigadores.

Mestrar um novo sistema foi divertido. O Chamado de Cthulhu se mostrou um jogo fluido e leve. sem muitas complicações.  Eu diria que um iniciante seria capaz de metrar a tão bem quanto um veterano, desde que ele conheça um pouco da ambientação.

Falando, especificamente da aventura, ela é desafiadora e mortal. Um erro pode levar a loucura ou à morte. Posso dizer que o grupo terminou com dois personagens hospitalizados e com um adquirindo um trauma permanente.

Diversão garantida, muitas risadas e momentos de muita tensão e medo.

Fica a dica de uma aventura que deixará os jogadores na flor da pele e os personagens com medo. Sugiro jogar a versão do fast-play traduzidos pelos Sectários de Cthulhu. Ela possui referências de outras aventuras. Assim, “A Assombração” pode ser o início de uma grande campanha.


Baixe aqui o fast-play com a aventura e diverta-se: download.

6 comentários:

  1. Respostas
    1. Mês que vem teremos outra, Isis. Será casca dura!

      Excluir
  2. É ou não é muito foda o Call of Cthulhu? Sou fã de carteirinha!

    Vocês estão jogando uma campanha ou apenas one-shots? Se for one-shot, tem lugar pra mais um no grupo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. José, vou mestrar mais one-shots. No futuro devo mestrar umas das campanhas prontas. Devo estar montando um grupo no Sétima Armada para fazermos uma one-shot. Te mantenho informado.

      Excluir