2° RPGirls, o que foi o evento.

Eu fui

- por Filipe L. Dias

Domingo, 8 de novembro de 2015 fui até o clube de jogos 7ª Armada prestigiar o 2° RPGirls. Isso mesmo, um evento de RPG organizado por mulheres, principalmente para mulheres.

Acompanhei diversas mesas e fiquei a fissura de jogar Violentina. Infelizmente, não deu! Fica para a próxima.

O que mais gostei no evento é a ideologia por trás dele. Há poucos dias atrás escutava na radio UFMG, como nossa cultura segrega as meninas de atividades lúdicas e criativas, restringindo a elas brincas apenas de bonecas e casinha.

O RPGirls mostra que não. Mulheres entendem muito da cena rpgísticas, são excelentes narradoras e criativas. O que falta é espaço para desenvolver e praticar o hobbie.

Carolina Carvalho, umas das organizadoras do evento, relata: “Eu gostei do evento, acho que tivemos mais apoio para realizá-lo que o primeiro. Eu vi meninas que no evento anterior não queriam jogar com meninos jogando em mesa mista. E isso pra mim, em cunho pessoal, é sensacional. Me passa a sensação que elas se sentem seguras para jogar com homens durante o evento”.

Para o próximo evento, as RPGirls já pensam em melhorias. “Precisamos focar mais na divulgação. Fazer a oficina de mestragem novamente antes do evento e mandar email confirmando com uma maior antecedência. Colocar mais mesas de manhã e organizar melhor os horários para que as pessoas que quiserem consigam ir em mais de uma mesa. Talvez, vamos ver se conseguimos um aval com a escola para que tenha venda lá dentro - já que isso é algo que as pessoas pedem” – relatou Carolina.

Como fechamento, Carolina fala que o evento atingiu o seu objetivo. “O que nos propomos é criar um ambiente agradável e seguro para as meninas jogarem e mostrar que isso não é coisa só de homem. E elas se sentirem seguras, o que da a ideia que estamos conseguindo fazer”.

Esperemos ansiosos o próximo evento. Parabéns a todas organizadoras do RPGirls.

Confira as fotos do evento.


Essas fotos foram tiradas no 2° RPGirls, movimento maneiro da cena rpgistica belohorizontina que vem divulgando o RPG, principalmente, para o público feminino.
Posted by RPGames Brasil on Quarta, 11 de novembro de 2015

5 comentários:

  1. Como eu já tinha dito, o RPGirls foi muito fodástico! Também fiquei na fissura de matar a saudade do Violentina, Mestrado pela Daniele. Pena que era uma mesa exclusiva para mulheres. Além do Terra Devastada, com a Paloma. Mas em eventos eu tenho o compromisso profissional de apresentar os produtos da Macunaíma Games. Quem dera eu fosse o Dr. Manhattan pra me dividir em quantos eu quisesse de mim! kkkk Fico torcendo pras meninas mestrarem também nos encontros do Sétima, que ae é mais fácil pra eu jogar.

    ResponderExcluir
  2. Meus parabéns! Gostaria muito que este tipo de evento pudesse ser conduzido aqui, em minha humilde cidade...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É só o pessoal dae se organizar pra construir um encontro desse naipe na sua cidade. Podem até pegar uma consultoria com as meninas do RPGirls pra tirar o projeto do papel. E com o Edy, do Quero Jogar RPG, que foi quem ajudou elas a lançar o evevnto.

      Vamos manter a chama do RPG acesa!

      Excluir