A turma da taverna

Tavernas manjadas, nunca mais 
– por Filipe Dias (Druida-filid)

Uma das matérias da extinta Dragão Brasil que vale a pena relembrar é “A Turma da Taverna”, lançada na edição de nº 8. Essa matéria era daquelas que serviam e servem para todos os tipos de RPGs, seja ele medieval ou futurista.

Sempre que eu mestrava, meus jogadores me bombardeavam com perguntas nada fáceis de inventar na hora. Assim que entravam na taberna, bar ou hospedaria, a primeira coisa que perguntavam era qual o nome da porcaria do taverneiro. Depois de muitos “ahs” e “hums” inventava um nome que sabia que em cinco minutos eu iria esquecer, mas os jogadores nunca esqueciam.

Após ler a matéria, meu problemas acabaram. Basicamente falava-se como dar personalidade para esse local onde muitas aventuras começam e terminam. Primeiro, dê um nome e uma descrição para o local. Por exemplo: “Grifo de Ouro é uma hospedaria limpa e luxuosa, no centro de Mégalos. Na porta, um placa de madeira com um grifo dourado identifica o edifício de madeira e pedra de dois andares”.

Depois é só escolher o nome para o taverneiro e dar um traço de caráter para ele. “A taberna é gerenciada por Will, Sortudo, um homem de cabelos pretos e gordo, que empresta dinheiro a juros e está sempre com um sorriso no rosto”.

Crie alguns personagens icônicos que sempre estarão ali. Um bardo meio-elfo; um gnomo viciado em dados, uma rapariga de vestidos vermelhos. Não se esqueça de dar um nome para todos. Esses personagens servirão de gancho para interagir com os PCs e passar aventuras e informações para eles. A medida que os personagens jogadores interagirem com eles, esses personagens ganharão mais personalidade e com isso, sua taberna também.

Pronto, a partir de agora, sua taberna nunca será igual como todas as outras. Para quem acha que não tem criatividade, indico utilizar a ferramenta do site Dojon Random Inn Genarator. Com um clique você terá uma taberna personalizada com localização, descrição, menu, frequentadores e os rumores que são espalhados em meio as boas canecas de cerveja e jarras de vinho.

   

4 comentários: