GURPS Dungeon Fantasy

Matar, pilhar e queimar
(por Filipe Dias)

Muitas vezes, quando os jogadores sentam na mesa de RPG, eles esperam viver uma grande aventura em um cenário repleto de detalhes como a cultura, política e deuses meticulosamente descritos. Os jogadores querem sentir que seus personagens são partes do mundo do mestre e seus atos se tornam verdadeiros feitos.

Outras vezes, os jogadores estão dispostos a sai a caça de criaturas e tesouros, massacrando criaturas em dungeons e salvando a princesa do dragão, sem se preocupar que aquela besta ancestral mantinha um mundo longe do caos e a princesa era um sacrifício oferecido ao dragão. Dungeon Fantasy da dicar para criar aventuras no mais puro estilo dungeon-crawl ou hack n' slash dos jogos de videogames.

Para quem não conhece os termos, basta lembrar dos jogos como God of War, Cadilac Dinoussauros, World of War Craft e muitos outros MMOs. A ideia é pegar uma missão com algum personagem da cidade, cumpri-la e retornar, de preferencia repleta de pilhagem.

Desenvolvido por Sean Punch, a série de GURPS Dungeon Fantasy traz modelos de personagens adequando para o gênero; dicas para construção de dungeons com todos os perigos envolvidos (monstros, armadilhas, etc); tesouros; artefatos; poderes clericais e muito mais. Tratemos um release de cada suplemento nos próximos posts. Muito podem ser utilizados nas campanhas mais sérias e vale a pena dar uma olhada.

Crie os personagens em 5 minutos, armem-se e põe no mapa! É hora de queimar, pilhar e matar... não necessariamente nessa ordem!

4 comentários:

  1. Gostei! Bem ao estilo Victor "Vamos botar fogo no castelo e depois saquear ele!!!" kkkkkkkkkkkkkkk

    Ô falta d tempo da porra! Saudade d jogar RPG.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara, devo estar mestrando umas aventuras curtas, explorando outros cenários. Se animar, as portas estão abertas!

      Excluir
  2. Respostas
    1. José, o Marco é o mestre e está organizando o grupo! Dá ideia nele!

      Excluir