Hammerblood 2 – Capítulo XVIII

Final
(por Filipe Dias)

Elster estava no cais junto com Colossos. O guerreiro olhava torto para uns garotos maltrapilhos que demostravam ser ladrões. Colossos levou a mão na espada e os garotos desapareceram. Enquanto isso, Elster, o halfling concentrou em um olho mágico.

O mago concentrou no olho e o levou até o Águia Flamejante, o navio ancorado em quarentena na baia de Sehill. Redmore, o contramestre havia falado que seu capitão foi possuído por um demônio e enlouqueceu. Se o grupo recuperasse o navio, o contramestre arrumaria uma tripulação e os levariam para Kethalos.

No convés, Elster visualizou dois corpos de tripulantes. Ele direcionou o olho para o primeiro porão. Estava cheio de caixas e provisões, porém, sem sinal de vida. O alçapão que levava para o segundo porão estava fechado.

***
O barco balançava conforme o movimento das ondas. Um barqueiro contratado levou o grupo composto por Elster, o halfling; Araor, o mago; Ettore Galifuoco; Colossos Fast-axe; Nihill Twohandsword; e Berd Hammerhand.

Todos subiram para o convés utilizando a escada de cordas que pendia ao lado do navio. Dois corpos estavam caídos próximo à escada do porão. Desceram.

O grupo se aproximou do alçapão que levava para o porão inferior. Nihill abriu-o. Uma virote o acertou no peito e ele despencou para trás. Colossos preparou o machado esperando que algum inimigo subisse. Lá embaixo, seis marujos com olhos sem alma surgiram próximo à pé da escada. Atrás deles o capitão encarava o guerreiro.

Colossos lutou contra algo que entrava em sua mente, mas sua força de vontade sucumbiu. Seus olhos se tornaram como os dos marujos. Em sua mesa palavras ordenavam para que ele matasse seus próprios amigos. Colossos os atacou.

Intelect Devourer
Nihill se levantou e fechou o alçapão. Enquanto isso, os outros tentavam dominar Colossos. Todos sabiam que se um golpe de machados os acertassem, as coisas ficariam ruins. A  luta durou, até que Ettore acertou um golpe de bastão na cabeça de Colossos e ele caiu atordoado. Quando recuperou a consciência, não se lembrou de nada que aconteceu.

Elster expos ao grupo que seja o que dominou Colossos precisava de contato visual. Assim ele preencheu ao redor do alçapão com trevas e colocou deu invisibilidade para Colossos e Nihill. Assim que abriram novamente o alçapão, foram ao encontro dos marujos possuídos.

Nihill aproveitando da vantagem de estar invisível os matou. Enquanto lutavam, o grupo percebeu uma criatura que mais parecia um cérebro com pernas tentando se esgueirar para as trevas. Era um devorador de intelecto. Colossos o atacou. Seu machado arrancou lascas da madeira ao errar o primeiro golpe, mas deferiu um segundo acertando a criatura e partindo-a ao meio.

***
Com o navio livre de devorador de intelecto, Redmore reuniu novamente a tripulação. Cumprindo sua parte no acordo ele levou o grupo para Kethalos. Antes porém, Colossos levou a jovem Anna até as terras ao norte. O reencontro com a família devolveu a memoria para a jovem. Ela era prima da amada de colosso e havia retirado o anel dos dedos de sua prima antes de cair no mar, durante o naufrágio.

Chegando em Kethalos,  o grupo se reuniu ao Baronete Hammerhand. Eles apoiaram o conde Darius de Kethalos e fortificaram a cidade. Quando as tropas de Hidelban chegaram encontraram um resistência sólida e tiveram que recuar depois de dias de batalhas.

Eöul Hammerhand foi condecorado com o cargo de prefeito de Kethalos e Berd assumiu Hammerblood como seu mais novo baronete. Araor, Colossos, Ettore e Nihill se tornaram guardas pessoais do jovem baronete. Apenas Elster se recusou e tomou um caminho diferente. Entretanto, estava escrito que os passos do halfling voltaria a trilhar a mesma estrada que seus amigos.

Mas isso é uma outra estória!

2 comentários: